×

Mentiras e Verdades sobre o caso Telebrás vs Starlink

Mentiras e Verdades sobre o caso Telebrás vs Starlink

De um lado temos defensores da Telebrás e do nosso Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas, SGDC, e de outro lado temos fãs do Elon Musk, Starlink e da SpaceX, o que é fato e o que é fake nessa discussão?

UM ÚNICO SATÉLITE NÃO PODE COBRIR TODO TERRITÓRIO NACIONAL

FALSO – Um satélite de orbita geoestacionária, como o SGDC (Controlado pela Telebrás + FAB) fica a uma distancia de 36 mil quilometros, isso dá a ela uma capacidade de ficar relativamente parado sobre uma determinada área, nesse caso, sobre o território brasileiro, assim ele pode cobrir todo um hemisfério do globo exceto nos polos

Imagem de como um satélite do tipo GEO pode cobrir todo um território

O SGDC POSSUI UMA EXCELENTE INTERNET QUE BATE DE FRENTE COM A STARLINK

FALSO – O SGDC possui uma internet bem limitada, com até 200ms de Latência, isso acontece devido a sua distancia, coisa que não acontece com a Starlink que está em orbita terrestre baixa e pode oferecer uma latência comparável a latência da fibra optica

É MELHOR ESCOLHER O SGDC PARA VALORIZAR A INDUSTRIA NACIONAL

FALSO – O SGDC foi construido pela Airbus Space, na França, e lançado ao espaço pelo foguete europeu Ariane 5, a única parte brasileira do SGDC é o seu software de controle e seus sistemas de comunicação militar que foram produzidas pela Visiona Space, uma Join Venture formada pela Embraer Defesa e Segurança e a Telebrás. Sendo assim, apoiar nenhuma das iniciativas estaria financiando a industria brasileira

A STARLINK É A UNICA QUE PODE FORNECER INTERNET PARA ESCOLAS

FALSO – A Starlink fornece um tipo específico de internet a satélite que tem baixa latência e maior velocidade, porém, internet mais simples para comunicações via texto, assistir videos no youtube, gerenciar burocracias, etc, coisas que uma escola precisa, qualquer serviço de internet via satélite pode oferecer, com uma maior lentidão e com mais chances de queda de sinal e custando o mesmo

A STARLINK É A UNICA QUE POSSUI INTERNET DE ALTA VELOCIDADE VIA SATÉLITE

MEIA VERDADE – A Starlink realmente até agora é a unica no mercado de internet de baixa latência via satélite, mas a Eutesat One Web (Antiga OneWeb) Hoje possui 80% de sua frota de satélites concluida e a Amazon está realizando testes para iniciar o lançamento de sua constelação chamada Kuiper.

Considerações finais

A Opinião da Revista Foguetes Brasileiros é de que, sim, deveriamos investir numa internet via satélite brasileira, mas hoje nem a União Européia e nem a China conseguem construir uma constelação de satélites de internet como a Starlink fez, o que pode mudar em breve, então o correto a se fazer nesse caso seria investir durante anos num programa espacial independente e autossuficiente para que num futuro proximo possamos competir com o mercado estrangeiro, mas da situação atual, trocar starlink por telebrás apenas piorará a qualidade do serviço para as escolas da região amazonica e não mudará em nada a situação desprezível que o programa espacial brasileiro se encontra, com um orçamento que mal paga a compra de equipamentos de escritório para a Agencia Espacial, cortes constantes em bolsas de pesquisa e perda de cerebros para o estrangeiro. Se querem uma InternetBrás, então pague os cientistas para que eles a construam, e não use de bravata politica para dizer que apoia o Brasil quando na verdade esta trocando o Americano pelo Frances

Share this content:


Descubra mais sobre Revista Foguetes Brasileiros

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.

Comente!

Descubra mais sobre Revista Foguetes Brasileiros

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading